FUNDO%202_edited.jpg

Sopa de Abóbora assada com gengibre

A abóbora, moranga ou jerimum é facilmente encontrada no Brasil. Sua época de safra é de maio a setembro. Na hora de comprar observe sua casca que deve estar lisa, sem manchas e sem brilho. Caso compre aos pedaços que é uma opção melhor para evitar o desperdício, observe o aspecto no geral e se tem manchas escuras. Opte sempre pelas mais claras.

Para conservar se ela estiver inteira deixe fora da geladeira. Depois de picada, a abóbora deve ser refrigerada por poucos dias, dentro de um saco plástico. Esses pedaços também podem ser conservados congelados, crus ou pré-cozidos.

Na culinária aproveitamos a fruta toda: a polpa, as sementes, as folhas e até o miolo! Há várias receitas tradicionais feitas com a abóbora, como o camarão na moranga, o quibebe, o purê, o hommus de abóbora, sopas e cremes e como sobremesa, o doce de abóbora com coco e a torta de abóbora.

As fibras da abóbora ajudam a diminuir a sensação de fome e por isso fazem parte de dietas para controle do peso. Já o ferro e o zinco estão relacionados, respectivamente, à formação adequada dos glóbulos vermelhos e ao bom funcionamento do sistema imunológico, além da combinação da vitamina C e betacaroteno que é convertido em vitamina A e é excelente para o sistema imunológico também.

Para o sono, a abóbora contém triptofano, excelente modulador de humor que ajuda tanto no processo de ansiedade quanto na melhora do sono.


Ingredientes:


  • 400g Abóbora cabotiá ou outra de sua preferência

  • 6 Dentes de alho com casca

  • Tomilho fresco a gosto

  • Azeite para regar

  • Óleo para fritar

  • 600 ml Água ou caldo de legumes caseiro

  • 1 Pedaço de 5cm de gengibre em tirinhas

  • Sal e Pimenta do reino a gosto

  • Salsinha picada para finalizar

Preparo:


1. Lavar e cortar em pedaços iguais a abóbora com casca.

Colocar numa assadeira com os dentes de alho com casca, azeite, tomilho, sal e pimenta do reino a gosto.

Levar ao forno pré-aquecido 200ºC até amolecer a abóbora.

De 35 a 45 min.


2. Enquanto isso, corte o gengibre em Julienne (palitinhos finos).

Aqueça o óleo e frite o gengibre aos poucos. Deixe secar em papel toalha.

Quando a abóbora estiver macia, remova a assadeira do forno e deixe esfriar um pouco antes de utilizar.


3. Retire a polpa assada com uma colher e vá colocando no liquidificador, junto com o alho que é só espremer. Se estiver usando abóbora orgânica pode utilizar a casca, mas neste caso, deixe liquidificar mais tempo até conseguir um creme bem lisinho.

Junte 2 xícaras do caldo de legumes ou água para bater a abóbora no liquidificador.


4. Nesse momento você pode definir se quer um creme ou uma sopa, se quiser mais líquida é só adicionar mais caldo.

Coloque o creme em uma panela e leve ao fogo para esquentar.

Este é o momento ideal para acertar o sal.


5. Sirva quente com salsinha picada, o gengibre frito e um fio de azeite.

1.png